Mostrar Aviso
Compartilhe:

O que a contabilidade deve oferecer para sua empresa? Dicas para escolher um contador!

Quando decidimos empreender, a primeira coisa que pensamos é na necessidade de contratar uma boa contabilidade para a nossa empresa. Porém, poucas pessoas sabem o que uma contabilidade realmente deve fazer para que ela traga bons resultados práticos.

Para te ajudar a entender melhor esse processo de contratação de um contador, separamos abaixo as principais funções dele e o que deve ser oferecido para a sua empresa. Assim, você saberá no que a contabilidade vai te ajudar e qual deve ser a escolhida para esse momento tão essencial na vida de um negócio. Veja abaixo!

Veja as principais funções de uma contabilidade para sua empresa

Existem inúmeros tipos de contabilidade, mas aqui vamos trazer as funções que uma contabilidade mais completa costuma oferecer aos seus clientes. Em geral, costuma valer a pena fechar negócio com contadores que trazem mais do que apenas a parte burocrática – embora ela também seja essencial. Veja abaixo os momentos onde a contabilidade é útil e praticamente essencial para que o seu negócio funcione da melhor maneira possível. Mas, antes, vale lembrar: cada contabilidade do país tem uma forma diferente de trabalhar, então, é interessante perguntar para o representante dela se esses serviços estão inclusos no pacote que você contratar. Vamos lá!

1- Na abertura da sua empresa

Sem dúvidas, esse é o momento onde a contabilidade é a sua maior aliada. Ao abrir uma empresa, precisamos definir uma série de coisas, reunir documentos, pedir licenças para a prefeitura e para o governo, etc. Então, a contabilidade deve ser o seu braço direito para que a abertura da sua empresa seja a mais simples e rápida possível. Ela irá te ajudar a:

  • Reunir toda a documentação necessária para entregar aos fiscos e à prefeitura da sua cidade.
  • Decidir quantos sócios sua empresa terá e qual será a participação deles. Apesar dessa ser uma decisão dos envolvidos, o contador irá colaborar nesse sentido, encontrando soluções para as mais diversas configurações que podem surgir.
  • Realizar o processo de abertura em si, tornando o CNPJ ativo e formalizando a empresa. Tudo isso costuma ser um processo rápido e em cidades como Florianópolis, que possuem a abertura simples, ele dura apenas um dia – ou até menos. Claro que você deve conversar com o seu contador para que ele te passe um prazo que faça sentido para as necessidades da sua nova empresa.

2- Decidir sobre o melhor Regime Tributário

Ainda em relação à abertura da empresa, o próximo passo do contador é decidir sobre o Regime Tributário que mais se encaixa para sua empresa. Entre as opções, ele irá te orientar a escolher entre:

  • Simples Nacional: Um Regime Tributário mais simplificado, mas que costuma ser mais vantajoso para empresas menores, como a ME.
  • Lucro Presumido: Um Regime Tributário que traz um pouco mais de trabalho mas que faz sentido para empresas maiores.
  • Lucro Real: Um Regime Tributário indicado para empresas maiores, com alta movimentação financeira e alto índice de deduções.

Apesar de haver indicações, cada negócio possui suas particularidades e pode se beneficiar de um tipo de Regime Tributário diferente. Então, é bastante válido procurar um contador que seja especializado na sua área para que ele possa encontrar a solução que mais faz sentido para o seu negócio em si. Por exemplo: em alguns casos de empresas pequenas, o simples nacional não é um regime tributário vantajoso, porque, na prática, ela paga mais impostos do que se optar pelo Lucro Presumido. São exceções, porém, elas podem acontecer e o contador precisa te ajudar a evitar o excesso de tributos pagos.

3- Diminuir o gasto com impostos

É também função da contabilidade te ajudar a pagar menos impostos com o chamado planejamento tributário. Mesmo que sua empresa já esteja aberta há algum tempo, o contador especializado pode realizar uma varredura do que está sendo pago de impostos e ajudar a diminuí-los, como, por exemplo, evitando a bitributação que acontece em muitos casos.

Então, se você é empresário e sofre com o pagamento de altos impostos, saiba que um contador especializado em planejamento tributário pode te ajudar bastante a diminuir os encargos e trabalhar de maneira mais tranquila.

4- Auxiliar na parte financeira

Por fim, um contador pode também te ajudar na parte financeira da empresa, criando relatórios de previsão, ajudando nos gastos e trabalhando como um BPO Financeiro. Obviamente, tudo irá depender do tipo de contabilidade que ele oferece e se ele trabalha com a parte consultiva, além de apenas com a parte burocrática. Em alguns casos, esse trabalho é oferecido à parte, com a cobrança de um adicional. Fale com o contador de confiança e veja essa possibilidade para o seu negócio.

Quer uma contabilidade de confiança e que te ajude em diversos processos? Fale conosco e agende uma reunião! Até a próxima!

Fale com o consultor, é grátis :)